Escola Biblica

COMPARTILHANDO CONHECIMENTO


250
Data: 2015-09-03
Titulo: Satanismo - I
Autor: disseminando
Mensagem:

Satanismo é um movimento, doutrina ou crença filosófica que contempla a figura de Satanás de forma positiva. O satanismo consiste na negação e inversão de práticas e crenças cristãs. Começou a ser definido a partir do século XVIII, tendo uma origem relativamente recente. Alguns dos seus seguidores afirmam que o satanismo não é apenas uma religião, e teve influência de várias religiões, pontos de vista e obras literárias.

Existem diferentes correntes de satanismo, com diferentes crenças e práticas. Existem satanistas teístas e ateístas. Enquanto os teístas acreditam na existência de uma entidade chamada Satanás, os ateístas não acreditam em divindades como Deus e o Diabo, e vêem Satanás como um símbolo do orgulho, independência e ambição pessoal.

pentagram_56388

Aquele que é considerado o satanismo moderno teve as suas bases com Anton LaVey, responsável por escrever várias obras relacionadas com o satanismo, entre elas a Bíblia Satânica. Em 1966 LaVey fundou aquela que é considerada por muitos como a primeira Igreja Satânica.

O satanismo afirma que não existe vida após a morte e que a vida deve ser encarada com egoísmo, com o objetivo único de satisfazer as suas próprias necessidades, de qualquer maneira possível. Muitos satanistas atualmente não se definem como pessoas que adoram o mal e sim como pessoas que exploram realidades desconhecidas e que buscam valores como a individualidade, orgulho e independência.

Ao contrário do que muitos acreditam, a Bíblia Satânica não demonstra o diabo baseado nos ensinamentos cristãos, onde configura-se a imagem de um ser cruel opondo-se a um Deus bondoso, na realidade, no livro de LaVey, Deus e Satã são muitas vezes citados como a mesma entidade. Para o satanista que segue os escritos de Anton LaVey, Jesus e suas leis de caridade não passam de uma grande mentira, além disso o livro prega que Satanás não almeja adoração, apenas que que cada um viva de acordo com sua própria lei.

satanismo02

A Bíblia Satânica está dividida em quatros partes :

Na primeira parte do livro, LaVey afirma que os Dez Mandamentos são uma grande farsa, o próprio Satã questiona uma a uma as leis que Javé teria passado a Moisés em tábuas.
“Eu exigirei as razões da sua regra de ouro e perguntarei a origem e a finalidade dos seus dez mandamentos. Aquele que disser que você precisa se curvar a mim é o meu inimigo mortal! ” Autor Desconhecido.

 Na segunda parte do livro, formado por um total de 12 capítulos, nos são apresentados os quatro príncipes do inferno, Satã, Lúcifer, Belial e Leviatã, bem como regras de comportamento, onde o hedonismo é considerado uma qualidade. Sentimentos como o amor e o ódio são discutidos no Livro de Lúcifer, onde orgias são liberadas e até mesmo estimuladas.
“A mentira que tem sido inculcada na criança desde pequena no joelho da mãe – é mais perigosa de combater do que contra a sorrateira pestilência!” Autor Desconhecido.

Na terceira parte, no Livro de Belial, são descritos os cultos de invocação, onde supostamente o leitor poderá usá-los para seduzir outra pessoa ou até para arranjar a morte de um inimigo. O livro ainda enaltece a crença no dito popular, “olho por olho, dente por dente”, pois critica a reação de Jesus de dar a outra face quando este foi agredido.agredido.
“Por que eu não deveria odiar os meus inimigos [?]… Não somos todos nós animais predatórios por instinto? Se os homens pararem de depredar os outros, eles poderão continuar a existir?… não é a desprezível filosofia da pessoa servil que vira as costas quando chutado? Odeie seus inimigos… atinja-o dilacerando e desmembrando-o, pois autopreservação é a lei suprema! Quem mostra a outra face é um cão covarde!”
Autor Desconhecido.

Na quarta parte, no Livro de Leviatã para ser mais preciso, dezenove palavras poderosas que podem ser utilizadas em rituais satânicos são enumeradas, para liberar energias muito intensas, até mesmo sacrifícios humanos são permitidos, ensinando também a invocar Satã e a incitar o desejo sexual e a compaixão das pessoas. Além do livro de LaVey, os praticantes do satanismo são impelidos a conhecer os livros de outros escritores como, Ayn Rand, Friedrich Nietzsche e Maquiavel, cujas livros dão ênfase à obtenção da auto-suficiência a partir do próprio potencial humano.

A destruição das igrejas cristãs : O satanismo infiltrado. 

Os satanistas são cuidadosamente treinados para se infiltrarem e destruírem igrejas cristãs. O objetivo de Satanás é fazer com que cada igreja fique parecida à igreja de Laodicéia, como está escrito : “Conheço as tuas obras, que nem és frio nem quente; quem dera foras frio ou quente! Assim, porque és morno, e não és frio nem quente, vomitar-te-ei da minha boca.” Apocalipse 3.15-16

As igrejas cheias de membros passivos que não se incomodam em estudar a Bíblia, orar e jejuar, buscando o fortalecimento espiritual através do conhecimento absoluto da palavra de Deus, estão totalmente vulneráveis aos ataques astutos de satanás, como esta escrito:“Traidores, obstinados, orgulhosos, mais amigos dos deleites do que amigos de Deus, Tendo aparência de piedade, mas negando a eficácia dela. Destes afasta-te.
Porque deste número são os que se introduzem pelas casas, e levam cativas mulheres néscias carregadas de pecados, levadas de várias concupiscências.” 2 Timóteo 3: 4-6

Satanistas do mais alto nível frequentam igrejas evangélicas. Os ataques de Satanás virão das próprias igrejas, especialmente em épocas de prosperidade, cada indivíduo é responsável diante de Deus para ser vigilante e alerta, assim como, para ler e estudar fervorosamente a Palavra de Deus e para, cuidadosamente, ouvir o que está sendo ensinado na igreja. Qualquer ensinamento que não concordar com a Palavra de Deus deverá ser desafiado, não importando quem o estiver ensinando. Porém, o desafio deve ser feito em amor, de modo gentil, mas firme. Paulo deu um conselho muito bom a Timóteo sobre esse assunto em I Timóteo 5:1. Nunca se esqueça que Jesus ama a essas pessoas e que Ele morreu por elas da mesma forma que morreu por mim e por você. O propósito aqui não é expô-las, mas controlá-las e salvá-las.

Todo poder de satanás e seus demônios não chegam nem perto do tamanho do poder de Deus, e do nome JESUS CRISTO, nosso SENHOR E SALVADOR. Portanto, saiba que o inimigo atuará contra nós, mas lembre-se que lutando contra nós ele estará lutando contra Deus, e temos que enfrentá-lo através do poder que nós é dado pelo nosso Deus, como esta escrito:“Sujeitai-vos, pois, a Deus, resisti ao diabo, e ele fugirá de vós.” Tiago 4.7

Observação : “O conteúdo foi extraído através de pesquisas em livros, revistas e sites.”





Disseminando | Sua fé sem fronteiras.